sexta-feira, 17 de novembro de 2017

Terminei Indo...

Eu já sei caminhar em tantas nuvens
E posso visitar de vez em quando o chão
Do alto do parque, por cima das árvores eu vejo você

Antes de bater o vento eu já pensava em voar
Antes do sol clarear eu desapareci
Por cima dos prédios, estrelas vermelhas não brilham no céu
Eu sou das ruas de qualquer lugar
Existo sempre que você pensar em nós
Não tenho tempo pra guardar recordações
Mas o tanto que eu levar de você
Eu deixo um pouco pra me misturar
E não descanso pra você dormir

- A Banda Mais Bonita da Cidade -  

quinta-feira, 16 de novembro de 2017

"Afinal, a minha presença no mundo não é a de quem a ele se adapta.
Mas a de quem nele se insere.
É a posição de quem luta para não ser apenas objeto, mas sujeito também da história."


quarta-feira, 18 de outubro de 2017

Blue.

Tive a certeza que te queria.

Só no olhar, no fulgor, no tremer das pernas.
Vendo seu nariz reto, seu sorriso, e aquele teu jeito que tanto me encanta.
Acho que foi isso que você fez comigo: encantamento.

Não há explicação para o razoável, se não essa.
Eu desejava você, com todos os teus trejeitos.
E você ali, perdido na imensidão da cachoeira, fingindo ser blasé, alheio à minha pessoa.
Como se fosse natural estar no mesmo lugar, sem querer estar.
Eu não mais estava ali.

Meu coração palpitava, a respiração quase parava, de tão rápida que pulsava.
Senti-me nos saudosos 15 anos.
E você sabia que tinha controle de toda aquela situação.

Do alto do seu sadismo e todo o poder que eu tinha te dado sobre mim
Você ria.
E estava além da minha pessoa. Eu não existia para você.
Será que um dia existi?

Não sei mensurar em que ponto da minha vida perdi o domínio sobre mim. Ou em que determinado suspiro deixei você tomar conta do que era meu.
Só sei que me vejo sem chão quando você toca meu ar.
E passa o tempo, a mensagem sem resposta, já sendo uma resposta para minha mensagem...
E eu sigo na aflição, que hoje já dá lugar à tristeza.

Logo menos vai virar apenas história... e eu espero que não demore.
Desejo também que o desejo por ti seja cada vez menor, e dê espaço para o ranço que você merece.
Não quero a raiva. Quero o desprezo pela tua babaquice e toda falta de respeito que permiti comigo.

Você me tem, é verdade.
Mas aos poucos, vou me recuperando de ti.

segunda-feira, 16 de outubro de 2017

'Matei-a porque era minha'.
Como se fosse realmente parte de seu direito de propriedade o de aniquilar a mulher que a sorte (vida) lhe deu.
Nenhum macho ou supermacho que seja, nem o mais valente de todos, se anima em dizer que a verdade não é essa.
Nada a ver com 'matei-a porque era minha'. Na verdade, deveria confessar: 'matei-a por medo'.
Porque a violência do homem é o espelho do medo do homem de uma mulher sem medo.

Eduardo Galeano

quarta-feira, 27 de setembro de 2017

Leminska que passa

Vazio agudo
Ando meio
Cheio de tudo

segunda-feira, 18 de setembro de 2017

Sobre os 27:

Retrato antigo

Quem é essa
que me olha
de tão longe,
com olhos que foram meus?

Helena Kolody

quarta-feira, 30 de agosto de 2017

O despertar


Busque encontrar e acalentar aquela felicidade dentro de si. Você é uma pessoa incrível! 
Tudo o que você precisa está dentro de si.
Promova mais instantes de felicidade e partilha consigo mesma.
O amor é algo que acontece num processo de dentro para fora. Seja ele em movimento.

quarta-feira, 23 de agosto de 2017



Até hoje ninguém foi capaz
de medir o seu tamanho
Você é o caos
E o coração
Você é oceano
E furacão
Te desvendar 
é para quem não teme


Mulheres Infinitas 

segunda-feira, 14 de agosto de 2017

Crepúsculos dominicais

Tem dias que a vida é foda.
Foda  no sentido de te foder.

Você passa a vida inteira construindo uma base, um entendimento a respeito...
Você se esforça pra compreender que: você não precisa de mais ninguém pra ser feliz ou completa.
Mas tem horas que a fraqueza bate.
E você apanha.

Apanha quieta, reagindo com taquicardia, com uma aflição que aperta o peito, e você não sabe como se livrar daquele sentir que te oprime, ocupa tua cabeça, acaba com tua respiração.
Você começa a desacreditar e, mais do que isso, duvidar de tudo que você sabe, acredita e construiu.

Um medo descomunal toma conta de ti, como se ninguém, nunca, jamais, fosse gostar do que você é. Como se jamais fosse possível alguém te olhar de novo com carinho.
A sensação de angústia vai tomando conta de ti, e você cria a certeza que nunca será digna de ser amada.

No meio da tormenta, um momento de insanidade vem me resgatar de mim, e berra a plenos pulmões: para que ser amada? porque essa necessidade? você precisa, primeiro, se amar! Antes de tudo é você consigo. E mais ninguém.
Por breves instantes respiro aliviada, mas logo o silêncio volta, e eu me deixo absorver pela minha mente atormentada.

Não entendo o porque, mas domingos a noite tem gosto de desespero para minha boca seca.

terça-feira, 18 de julho de 2017

Gratidão é um verbo

Hoje sou grata.

Grata pela vida que tenho. Pelas conquistas que obtive.
Por ser quem sou. Por estar onde estou.
Grata por ter uma família que me ama. Por poder fazer o que me faz feliz.
Poder ser o que sempre sonhei. Escolher ser uma pessoa do bem. Seguir feliz nessa caminhada que escolhi para mim.

Se hoje eu morresse, olharia para tudo que fiz, tudo o que me forjou, tudo o que me transformou, e falaria: valeu a pena!

Cada lágrima, cada angústia, cada aflição, raiva, desolação.
Mas principalmente cada sorriso, cada conquista, cada superação.
Aquelas  coisas inesquecíveis: a primeira graduação. O primeiro emprego na área sonhada. A primeira viagem paga com o meu dinheiro. O sorriso de orgulho da minha mãe. A felicidade em ver meus irmãos se encaminhando.

Poder chegar no fim do dia, exausta da rotina cheia, mas feliz pelas escolhas que tive.

Sempre quis sentir isso: felicidade plena por ser o que sou.
Sou grata pelo que batalhei pra ser. Me orgulho do que me tornei.

terça-feira, 11 de julho de 2017

But happiness isn't always the best way to be happy

Tenho quase vinte e sete.

E ainda me orgulho das pequenas vitórias cotidianas.
Como quando eu me posicionei e disse o que queria para mim, o que gosto e o que pretendo. Sem culpa. Sem pressão.

Parece simplório, né?
só eu sei como foi dolorido o processo de amadurecimento.
Ainda bem!

Um dia de cada vez


Inside all of us is Hope



Where the wild things are.

sexta-feira, 16 de junho de 2017

Os outros também te definem

Peculiar significa característicoespecial, algo que é próprio de uma pessoa ou coisa. Em alguns casos, a palavra peculiar pode ter um sentido depreciativo, sendo usada como um sinônimo de estranhoesquisito ou invulgar.